Você sabe por que é realmente se fala tanto da alta disponibilidade do banco de dados Oracle?

A alta disponibilidade está relacionada ao grau de acessibilidade de uma aplicação, função ou serviço sob demanda e é medida pela percepção do usuário final.

É muito comum que alguns usuários fiquem descontentes devido ao fato de que seus dados não estejam disponíveis, ou até mesmo quando o sistema de computação não funciona corretamente.

Falhas de desempenho por conta do aumento do uso esperado criam a mesma percepção que a possível falta de componentes críticos na arquitetura.

Nesse artigo abordaremos os principais aspectos da alta disponibilidade e como ela é fundamental para muitos usuários.

 

Entenda melhor o que é o banco de dados Oracle

O Oracle é um SGBD (sistema gerenciador de banco de dados) que surgiu no final dos anos 70, quando Larry Ellison percebeu uma oportunidade que outras companhias não haviam detectado.

Ele encontrou uma descrição de um protótipo funcional de um banco de dados relacional e descobriu que nenhuma empresa ainda tinha se empenhado em comercializar esse tipo de tecnologia.

Ellison em conjunto com os co-fundadores da Oracle Corporation, Bob Miner e Ed Oates, imediatamente identificaram que havia um enorme potencial de negócios no modelo de banco de dados Oracle, e dessa forma tornou-se a maior empresa de software empresarial do mundo.

Ao longo da sua existência a empresa se especializou e continuou se mantendo líder do mercado, procurando se destacar da concorrência com a adição constante de novas funcionalidades ao SGBD

Além da base de dados, a Oracle desenvolve uma suíte de desenvolvimento chamada de Oracle Developer Suite, utilizada na construção de programas de computador que interagem com a sua base de dados.

A Oracle ainda foi responsável por criar a linguagem de programação PL/SQL, essencial e utilizada no processamento de transações.

 

Quais as principais características da alta disponibilidade do banco de dados Oracle?

Uma arquitetura de alta disponibilidade deve ter as seguintes características:

  • Tolerar falhas de maneira que o processamento continue com quase zero interrupção;
  • Ser transparente com relação as mudanças no sistema, dados ou na aplicação;
  • Dedicar medidas preventivas contidas na própria arquitetura;
  • Fornecer forte monitoramento ativo e uma rápida detecção de possíveis falhas;
  • Recuperação rápida;
  • Promover automatização das operações de detecção de falhas e também de recuperação;
  • Proporcionar proteção dos dados, minimizando ou até esmo prevenindo a perda de dados;
  • Implementar melhores práticas operacionais dedicadas ao gerenciamento do ambiente;
  • Ir de encontro as metas estabelecidas em SLAs, com o intuito de diminuir ao máximo o custo total de propriedade (TCO – Total Cost of Ownership).

 

O que é TCO?

O Custo total de propriedade (TCO) é uma estimativa financeira que tem o objetivo de auxiliar os gestores e consumidores a determinar os custos indiretos ou diretos de um sistema ou produto.

É um conceito de contabilidade de gestão que pode ser utilizado na contabilidade de custo total ou até mesmo na economia ecológica onde se concentram os custos sociais.

Ele ainda inclui uma variedade de itens de custo para fazer negócios, como o envio e reenvio, e os custos de oportunidade, ao mesmo tempo em que considera os incentivos desenvolvidos para uma abordagem alternativa.

 

A importância da alta disponibilidade

A importância da alta disponibilidade pode variar entre as aplicações existentes.

O banco de dados Oracle e a internet também têm permitido muito com a colaboração e o compartilhamento de diversas informações ao redor do mundo, proporcionando estender o alcance dos seus aplicativos entre as organizações e comunidades.

Esse alcance reflete a sua grande importância com relação a soluções de gerenciamento de dados.

Muitas empresas estão cada vez mais utilizando a sua própria estrutura de TI para fornecer vantagem competitiva e dessa forma aumentar a sua produtividade, capacitando seus usuários a terem tomadas de decisão de maneira mais eficiente.

 

Quando se é indicado o banco de dados Oracle?

O produto Oracle, além de ter grande tradição no mercado pela sua história de sucesso, é um banco de dados muito eficiente, com recursos de segurança e performance cruciais para empresas que têm aplicações criticas e muitos dados.

O banco de dados Oracle, é recomendados e mais indicado para grandes empresas ou também grandes aplicações, que possuem requisitos de negócios mais complexos e críticos, e que possuem grana para pagar pelos recursos de segurança e performance adicionais que este grande banco de dados oferece!